A Igreja



A Igreja Batista do Japiim celebra os seus trinta anos de bênçãos na presença de Deus, relembrando um pouco da sua história e agradecendo a todas as pessoas que fizeram parte desta história, os pastores e suas famílias, irmãos que residiram temporariamente em Manaus, especialmente militares do Exército Brasileiro(foram alguns), Marinha do Brasil e outros que aqui tiveram um encontro com Cristo, mas, pelas circunstâncias da vida, tiveram que ir para outros campos, e sempre levando a IBJ em seus corações, e assim, podemos dizer que temos pedacinhos da IBJ, espalhados por diversos lugares do Brasil e é claro os que aqui permanecem.
NOSSA HISTÓRIA
Desde os primeiros dias de vida da nossa igreja, ainda como um ponto de pregação na garagem da Escolinha Disneylândia, sito à Av. Tefé,nº28  no bairro do Japiim, sempre sonhamos em fazer a diferença na cidade de Manaus. Esta tem sido a tônica da visão de nossa comunidade há 30 anos. E o mais importante: a certeza de que Deus tem preparado algo grandioso para nós!
“ATÉ AQUI NOS AJUDOU O SENHOR” ( 1Sm 7.12)
BREVE HISTÓRICO DA IGREJA BATISTA DO JAPIIM
Há 30 anos, o Deus imutável semeou no coração de um servo, chamado Miguel Howarth, o desejo de plantar uma igreja no bairro do Japiim que cumprisse a vocação missionária ordenada por Jesus a todo crente. Esse desejo iniciou em um ponto de pregação no qual se reunia numa garagem de escola, um grupo de 11 pessoas, a saber: Pr. Miguel Horvath; Helena Brandão da S. Brito e suas três filhas (Mara Rúbia, Maristela e Idelcina); Alonso Elino; Marliete M.de Souza e seus filhos (Gealdan, Ingrid e Silene)e Pr. Antunes de Oliveira. Assim, numa manhã de chuva torrencial do dia 06 de maio de 1984, tendo como meditação o texto de Zacarias 4.6,10 cujo tema foi “O dia das coisas pequenas”, foi lançado o desafio à oração em busca da concretização desse sonho. Na ocasião, o pastor Miguel enfatizou que toda grande obra começa com as pequenas coisas. Suas palavras foram: “deste humilde começo poderemos confiar no Senhor, e trabalhando, chegar a uma grande igreja para honrar e glorificar ao Senhor.”
Aos poucos,esse grande sonho foi se concretizando até que, no último domingo do mês de novembro do ano de 1985, foi realizado o último culto na garagem da Escolinha, e daí em diante até a congregação se tornar igreja, passaria a se reunir numa sala da Escola Joias de Cristo, de propriedade da irmã Neuza Silva de Castro, localizada no Japiim 2 à rua A-5 nº 1070. Finalmente, em julho de 1986, a congregação é transferida para o terreno onde seria construído o templo e permanece até os dias atuais no endereço da Av. Jorge Biváqua, nº221- Japiim I. Nesse período deu-se início à construção do templo com a ajuda e esforço dos irmãos até que se concluissem as obras.
O responsável pela Congregação era o pastor Miguel Horvath, e sob a sua direção, realizava os cultos às quintas-feiras e nos domingos pela manhã e noite. Em Janeiro de 1987, o seminarista Valmir Marques Medeiros, tornou-se o dirigente efetivo dos cultos.
O ano de 1987 ficaria marcado na nossa história por ter sido o ano em que Deus realizaria o sonho daqueles onze irmãos que iniciaram os trabalhos na garagem da escolinha em 1984, pois, no dia 19 de dezembro de 1987 com a participação da Igreja-mãe (Igreja Batista de Constantinópolis), pastores convidados entre eles, o pastor Darciso Medeiros , Tomé Tavares que era Secretário da Junta Executiva do Amazonas , os Congregados e o Concílio Examinador cujo presidente era o pastor Miguel Horvath , resolveram por unanimidade Organizar em Igreja , a congregação do Japiim, consolidada pelas bênção do Eterno e finalizando a cerimônia com a celebração do culto dirigido  pelo pastor-convidado Frederico Orr (In Memorian) para trazer a mensagem para aquele dia festivo.
Desse modo, no dia 19 de dezembro de 1987, fomos organizados como Igreja, tendo 60 irmãos no rol de membros. Em fevereiro de 1988, a igreja elege uma diretoria estatutária, composta por seu presidente, o seminarista Valmir M. Medeiros, que viria a se tornar pastor da igreja em março do mesmo ano. Também na mesma ocasião se elegeram os líderes para os onze ministérios compostos de comissões e sociedades.
Em 20 de fevereiro de 1988 a igreja passou a fazer parte do rol das igrejas que integram a Convenção Batista do Amazonas e Convenção Batista Brasileira.
Ao longo de sua trajetória e por vontade soberana de Deus, a igreja foi pastoreada pelos seguintes servos do Senhor:
Miguel Horvath- 1984-1986
Valmir Marques Medeiros – 1987-1994
Manoel Nasário da Silva- 1995-1997
Jadílson Lima Barros – 1998-2011
Alex Ferreira- 2012-2015
Atualmente, o Pr. Marco Benício Chamum que assumiu a igreja no dia 07/11/2015.
Fazemos menção aos nomes dos amados irmãos: Diácono Miguel Melo(  in memorian), Diácono Rúbens Nunes Rodrigues e a irmã Estelita dos Reis Maia, com gratidão em nossos corações, por presidirem a igreja nos períodos referentes a cada sucessão pastoral pela qual a igreja passou.
De igual modo, a nossa gratidão a Deus e aos queridos pastores Márcio Alexandre, Pátillo Fernandes e Joaquim Miguel Ferreira pela cooperação na obra de Deus.
Gratidão aos irmãos Paulo Auziê, Diácono Paulo Eduardo, e Diácono Ivanilson Macêdo pelo trabalho realizado nas Congregações do Lago do Limão e Lago Azul, servindo a Deus com seus dons e talentos e fazendo avançar a obra do Senhor.
Hoje, a Igreja Batista do Japiim, cuja missão é fazer cumprir o IDE do Senhor Jesus, é parceira da Junta de Missões Nacionais, da Junta de Missões Mundiais e da Junta de Missões Estaduais. Colabora com o plano Cooperativo e o Lar Batista Janell Doyle. A igreja conta, em seu ministério, com a liderança do seu pastor titular, Marco Benício Chamum  e o pastor auxiliar Márcio Alexandre; na área de Música o Ministro Davi Maia, na área de Educação Religiosa a Ir. Rozalena Tobar. A liderança da igreja é composta pela Diretoria da Igreja (presidência, vice-presidência, secretaria e tesouraria), Conselho Diaconal, Conselho Fiscal e Conselho Administrativo e os Coordenadores das Áreas Ministeriais.
A Igreja surgiu para colaborar com a propagação do Evangelho, promover a comunhão do corpo de Cristo e defender um estilo de vida baseado na Bíblia Sagrada. O projeto foi plantado por Deus no coração do Pr. Miguel Horvath, em 1984, e foi confirmado diversas vezes através de irmãos de oração. A Igreja Batista do Japiim completará 30 anos no dia 19 de dezembro de 2017 prosseguindo em expansão física, numérica e espiritual. Em tudo, a certeza de que Deus está no controle e de que é a Sua vontade que está sendo feita através deste Ministério. Sem dúvida, ainda teremos muitas vitórias para contar.
Ao nosso Deus toda a glória pelos séculos dos séculos. Amém.